Canadá – corrida: “Agora foi pro chamado espaço”

O frango do goleiro Green na estreia deve mesmo ter sido duro para os ingleses. Na transmissão da BBC, que não costuma misturar F1 com futebol como por aqui, o narrador Jonathan Legard se adiantou. “Enquanto o goleiro da Inglaterra tenta se recuperar de um erro na Copa, um piloto inglês quer reverter um erro de 2 anos atrás.” Na Globo, Luiz Roberto valoriza a presença de Emerson Fittipaldi como um dos “comissários especiais”.

Na La Sexta, os espanhóis tentam secar um dos que larga à frente de Alonso. “Vettel será prejudicado por largar com os pneus duros. Deve perder 5 metros por isso”, informa o comentarista Jacobo Vega. Eles não são os únicos torcendo por um tropeço das Red Bull. “Não apenas Webber teve problemas, trocaram a embreagem e o volante de Vettel”, diz o comentarista da BBC Martin Brundle, que comenta as mais novas teorias da conspiração, que agora vitimam o australiano líder do campeonato. Teve quem achou a troca de câmbio e a consequente perda de 5 posições no grid estranha. “É mais fácil eles deixarem os 2 baterem de novo que prejudicar um membro da equipe assim”, Brundle encerra a discussão.

É a 2ª corrida em que os líderes andam junto

O acidente de Massa e Liuzzi gera discordâncias entre as transmissões – tanto quanto as cores dos carros e dos capacetes confundem Luiz Roberto. “A corrida dele acabou”, sentencia Legard. “Eles bateram umas 3 vezes!”, se impressiona Brundle. “Acho que Massa destroçou o carro”, acredita Lobato. “Ele pode ter dado muita sorte”, acha Reginaldo Leme, mesmo reconheçendo a dificuldade do pneu aguentar, enquanto o narrador global comemora. “Agora ele não vai parar mais!”

Volta 5 e Webber passa Button, que “deve ter algum problema”, como constata Vega. A Globo perde, mais preocupada com a volta mais rápida de Massa, enquanto os ingleses clamam por um safety car. “Precisa sair agora, porque os pneus da Red Bull estão melhores”, pede Brundle. “Seria a única chance de Felipe”, finalmente Luciano Burti coloca os pingos nos is.

Substituindo Marc Gené, o piloto de testes da Virgin Andy Souseck salva a transmissão da La Sexta e crava: “Olhe os pneus do Hamilton, ele vai parar nesta volta.” Dito e feito. Alonso também pára, ambos saem colados e Lobato vai à loucura. Para os ingleses, outro débito na conta da McLaren. “Lembrem-se como Hamilton ficou bravo em perder uma posição no box na Turquia e aconteceu de novo”, destaca Brundle.

Na volta 10, todos estranham a parada de Kubica, que deveria ir mais longe com os pneus duros. Para Reginaldo, “deve ter tido problema”. Brundle vê a possibilidade de um furo. Todos errados. Era o pneu duro que não aguentara.

Quem também não estava aguentando na pista é Schumacher, que dá um chega pra lá em Kubica. Lobato nem acredita, acha que o Kaiser não viu o polonês. Burti e Brundle não gostam da espremida do alemão. “Ele não desiste! Foi muito maldoso.”

As Red Bull param e dividem a estratégia. Vettel com mole e Webber com duro. A BBC percebe na hora, Burti 2 voltas depois e os espanhóis apenas quando o engenheiro de Alonso o avisa no rádio, 8 voltas depois. E ainda duvidam!

A corrida – finalmente! – acalma, e na BBC a discussão é se teremos 3 paradas; os espanhóis se perguntam se Massa veio para esse final de semana – “assinou o contrato e não tem mais pressão. Está relaxando” – e no Globo a questão é se Schumi está impaciente.

Roda a roda com quem sabe

Hamilton e Alonso emparelhados de novo quando o inglês vai para a segunda parada. Os espanhóis se frustram, queriam ver a ultrapassagem, e Brundle acha cedo. “Se pararem 3 vezes, terão pneus novos?” “Não”, responde o repórter Ted Kravitz. “Mas acabaram de falar pro Hamiton que esse set vai ter que durar, então não vão parar mais.” Espanhóis e ingleses percebem a oportunidade de Alonso retomar a liderança. Na Globo, perdem as paradas dos líderes. Ok, foi difícil.

A discussão passa a ser o que fazer com a estratégia de Webber. Se correr, Hamilton pega, se parar, o pneu mole come. Na análise, graining vira grooving para o narrador da Globo. “Ele tem que parar agora e aguentar a pressão de Vettel”, defende Brundle. “Sua situação não é boa”, diz Reginaldo.

E todos perdem a ultrapassagem de Button em Alonso. Os espanhóis estavam no comercial (de novo!), os brasileiros só percebem 1 volta depois e o ingleses discutiam sobre as equipes novas. Todos começam a amaldiçoar os pneus do líder Hamilton. “Button está chegando e trazendo o melhor amigo de Lewis, Alonso, junto dele”, brinca Brundle. “Alonso está mais lento porque está economizando pneu. Deve ter sido avisado que Hamilton tem problemas”, viaja Lobato. Se alguém tinha pneu, era Button.

Cinco voltas depois, Massa faz uma tentativa frustrada de passar Schumacher e acaba com a asa dianteira quebrada. Luiz Roberto pergunta se não era a hora de Felipe ter mais calma. “Massa bateu em tudo o que podia hoje”, se diverte Vega. Mas a sensação geral é de Schumi, mais uma vez, foi um pouco maldoso. “Estou interessado em ver a reação de Emerson, porque ele é fã do Felipe e do Schumacher”, se intriga Reginaldo. O bicampeão não viu nada de mais. “A corrida de Massa foi para o chamado espaço”, define Luiz Roberto.

Bem diferente da de Hamilton, que ganha a 2ª seguida. “Ele vai querer que sua namorada Nicole venha sempre”, aponta Legard, que soma 56 pontos perdidos por Vettel em quebras e acidentes. Lá da África do Sul, Luiz Roberto lembra os ingleses que nem tudo é festa. “Eles estão certamente mais felizes com Lewis que com Green.” Pelo menos um se redimiu.

4 comentários sobre “Canadá – corrida: “Agora foi pro chamado espaço”

  1. como vc citou, as vezes os caras simplesmente perdem disputas com devaneios e achismos. sem dúvidas foi uma corrida muito técnica. o mais impressionante, foi o quanto a fortuna da garota está rendendo! hehe! grande aplicação!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s