Olhar estrangeiro e TVs

O trabalho dos comissários

Vira e mexe eles estão em evidência no mundo da F1. Normalmente por maus motivos. Há incidentes que, de fato, são difíceis de julgar, como batidas, afinal, como dizem os ingleses, it takes 2 to tangle, algo como precisa de 2 pra bater.

Mas, em casos como o do Safety Car de Valência, eles têm poucas desculpas a dar. Como mostra esta reportagem da BBC – que foi ao ar antes da corrida, como se eles previssem o que estava para acontecer -, os comissários têm todas as informações imagináveis sobre os carros em tempo real, sabem com precisão de 1m onde eles estão na pista e estão em contato direto com as equipes. Demorar quase meia hora para julgar uma infração simples como a de Hamilton, ou mais ainda para penalizar os demais, que não respeitaram o tempo de volta limite em regime de SC, é muita incompetência.

Deixe uma resposta