Corridas e análises

E não é que Vettel mentiu?

A FOM, que anda cruel nos seus race edits que disponibiliza no f1.com, entregou mais um: Sebastian Vettel. O alemão fez uma cena no pódio, questionou o pobre Jo Bauer e justificou o fato de estar longe de Webber na relargada a uma falha no rádio. Disse que não sabia que o Safety Car entraria naquela volta.

Pois, bem. O vídeo mostra ele falando com a equipe durante o SC. Via rádio. Hum…

É o 3º vídeo da FOM que dá uma ideia clara de como as ordens de equipe são constantes. Além do caso mais que explorado da Ferrari na Alemanha, a edição da Turquia gerou muita polêmica.

Ela deixou claro que a Red Bull tentava inverter as posições de seus pilotos – pedindo a Webber que baixasse as revoluções do motor e a Vettel, que apertasse o ritmo – quando houve o acidente entre os dois.

Voltas depois, Button e Hamilton recebem a instrução de poupar combustível. Tranquilo com a mensagem do rádio de que Button não o ultrapassaria, Lewis tirou mais o pé que Jenson, que o atacou. Depois que a ordem foi restabelecida, o campeão de 2008 ouviu que não precisava mais economizar e o de 2009, que o consumo estava crítico.

Um comentário em “E não é que Vettel mentiu?”

  1. 3 constatações: -o jogo tem várias formas; -os caras não querem deixar rastro de nada (para quê omitir os vídeos?), e por causa “destas atitudes”, não acredito em rádios abertos em 2012; -por isso fiquei fã do faster, pois, na “oficial”, nunca saberia destes detalhes. conclusão: foi bom conhecer vc Ju!

Deixe uma resposta