Tarefa nº1: ganhar o coração dos tifosi – ok

Fernando Alonso não faz um de seus anos mais brilhantes e, ainda assim, conseguiu ganhar o coração dos tifosi nesta primeira temporada na Ferrari. Tem trabalhado duro para não cometer os mesmos erros dos tempos de McLaren e calcula meticulosamente seus passos como embaixador da equipe italiana. Dá até para imaginar uma lista mental na cabeça do espanhol:

– ganhar o coração dos tifosi;

– neutralizar o companheiro de equipe;

– ter os engenheiros do meu lado, etc.

Mesmo assim, me surpreendi com a afirmação de Martin Brundle durante a transmissão do GP da Itália pela BBC que a imprensa italiana já considerava o espanhol o piloto da Ferrai mais amado desde Gilles Villeneuve. Sempre foi claro que o temperamento alemão de Schumacher era uma barreira para ele ser amado pelos ferraristas na mesma grandeza de seus resultados, mas será que os tifosi esqueceriam tão rapidamente nada menos que 5 títulos pela equipe?

A enquete do Corriere della Serra mostra que sim:

Segundo Massa, Schumacher é mais forte que Alonso. Quem pilota melhor para você?

Depois de mais de 31 mil votos, 58.1% consideram Alonso mais piloto que Schumacher. O resultado surpreende vocês? Será que é produto de todo o trabalho “fora de campo” do espanhol para ganhar o coração dos tifosi?

13 comentários sobre “Tarefa nº1: ganhar o coração dos tifosi – ok

  1. Parece que de muitos brasileiros, né?

    Estive fazendo umas contas, devo postar amanhã, e o tri parece difícil, assim como o bi de Jenson e o 1º do Seb. Mas se tem um campeonato que não dá pra arriscar palpite, é esse! ô campeonatozinho traiçoeiro!

    Curtir

  2. Normal a torcida ficar mais do lado de Alonso HOJE, ele esta na Ferrari! Em todo caso, Alonso esta muito longe do que Schumacher fez na F1 e principalmente na Ferrari (Schumacher levantou a equipe, Alonso já pegou a equipe estabilizada, isso graças ao alemão). Os italianos só se esqueceram que Alonso é um criador de caso(coisa que Schumacher nunca foi), o espanhol deixou a Renault na “mão” no meio da temporada de 06 para correr na Mclaren em 07(muitos na Renault ficaram furiosos com o espanhol, dizem que alguns fizeram até corpo mole na equipe, acharam se traídos). Na Mclaren Alonso acabou em outra confusão com a equipe! Alonso é um baita piloto, mas no geral esta longe de Schumacher(o alemão nunca deixou uma equipe em baixa para correr por outra mais forte, lembrando que a Ferrari em 96 estava um lixo, em 5 anos apenas duas vitórias entre 91 e 95), em termos de competência ninguém vai conseguir desbancar o alemão na Ferrari! Essa coisa de ser amado pelos italianos não conta muito, Schumacher pode não ser o mais amado, mas é muito respeitado na Itália.
    Italiano é super nacionalista, a Ferrari vem em primeiro lugar e se a Ferrari esta no topo hoje nas estatísticas isso é graças ao alemão. Engraçado, o Senna deu murro na cara de muita gente na Formula 1, pegou mecânico da Mclaren pelo “colarinho” vexame total, e é tratado como um “deus”, o que os italianos falariam dessas agressões de Senna? Com certeza não gostariam que isso ocorresse com um mecânico da Ferrari, o piloto seria duramente criticado por toda Itália, a equipe Ferrari para os italianos é mais que uma equipe esportiva, ela representa seu país, agredir um mecânico italiano é o mesmo que ofender toda Itália. Por outro lado é bom essas pesquisas acontecerem, sempre tem que achar um jeito de colocar o alemão atrás, geralmente vão pelo mais FÁCIL (pesquisas e votações), mas o que conta é na pista, o de fato e direito, isso ninguém conseguiu superar o alemão! É bom que Schumacher tenha cometido alguns erros no passado, senão nem teria como criticar, Schumacher seria quase perfeito, mas isso ninguém foi na Formula 1.
    Pelo menos Schumacher nunca foi criador de caso na equipe, e na Mercedes foi até defendido Poe Rosberg, o alemão teve 11 companheiros de equipe, só um ficou na RECLAMAÇÃO(poucos se lembram que em um momento delicado Schumacher teve que ajudar Irvine entregando uma vitória para o mesmo ter chance de ser campeão em 99, isso foi levado muito em conta na Ferrari, Schumacher mostrou humildade e lealdade em 99). Pelo menos o alemão nunca agrediu ninguém na F1(questão de educação e autocontrole), mas essas coisas parecem ser menos importante, pelo lado profissional o alemão foi perfeito, se ele errou aconteceu também com outros, em alguns casos muito pior…

    Só pra lembrar, o alemão sempre dividiu suas vitórias com a equipe Ferrari, era comum ele no pódio apontar com o dedo para os italianos na Ferrari, não me lembro de ver isso com outros grandes pilotos.

    Curtir

  3. Engraçado você reconhecer que os italianos votaram no Alonso porque o Schumacher saiu da Ferrari e dizer que o alemão nunca abandonou uma equipe. Certamente, não é o eles pensam do alemão. Não digo que estejam certos. Como afirmei no texto, me surpreendi com o resultado, acho muito consequência do que Alonso tem feito FORA da pista, até porque a comparação é impossível – são 14 anos x 9 meses de Ferrari e é óbvio que Michael fez MUITO mais. Para o Schumi, o “amor” pela Ferrari – não acredito que nenhum dos dois o tenha de fato – era mais forçado, em parte por uma questão de cultura.
    Qualquer profissional tem o direito de mudar de empresa se acha que isso será melhor para sua carreira. Alonso saiu da Renault no final de seu contrato – assinou com a McLaren no final de 2005, portanto não abandonou a equipe no meio do ano -, assim como Schumacher saiu da Benetton e, depois, da Ferrari. Qual o problema disso?
    Acho ambos extremamente parecidos na forma de trabalhar. Querem tudo para si e fazem de tudo para alcançar seus objetivos. A Ferrari é a tampa da panela de gente assim.

    Curtir

  4. Lili, como disse a Julianne, Alonso tem dificuldade de conquistar o coração dos brasileiros. O espanhol foi muito superior ao Piquet Jr e agora está sendo muito superior ao Massa. Na McLaren, Alonso desestabilizou Hamilton a ponto de o inglês perder o título mais ganho da história, e Hamilton parece ter uma quantidade imensa de fãs no Brasil – talvez pelo fato de ser um grande fã do Senna.

    Também concordo com a Julianne sobre a identificação entre Alonso e os tifosi. O fato de o espanhol ser forte politicamente e ter o sangue muito quente na hora de brigar com os adversários faz os italianos considerarem-no um digno representante da cor vermelha na F1.

    Flavio Briatore já havia dito que Alonso é mais hábil ao liderar a evolução de um carro que o próprio Schumacher, que já é um gênio. Agora, jornalistas italianos e ingleses dizem que os mecânicos da Ferrari afirmam que Alonso é melhor que Schumi no assunto evolução da máquina.

    É óbvio que o alemão fez muito mais que o espanhol, que está na Ferrari há apenas nove meses, e também há que se notar que na época de ouro de Michael com os italianos, a grana na Ferrari corria muito mais solta e eles treinavam quase todo dia na pista particular – o que facilitava muito a evolução do carro em comparação com os concorrente.

    O comentário do Mac não faz muito sentido para mim. Como assim Schumi nunca deixou uma equipe? Deixou a Benetton e deixou a Ferrari – a última, com contrato ainda vigente. E profissionalmente o alemão sempre foi correto? Há muito o que se questionar nesse ponto também.

    Abraços.

    Curtir

  5. Resumindo, André, para “ganhar o coração dos brasileiros”, o Alonso precisa parar de “ganhar dos brasileiros”… hehe. Quem estava em Interlagos em 2008 viu o quando o Hamilton foi xingado pela torcida. Esse amor pelo inglês é coisa recente e tem a ver com o fato de não termos um brasileiro, de fato, na luta pelo título nesse ano.
    Sem contar que esse amor do Hamilton pelo Senna é tão grande quanto o do Alonso pela Ferrari. É amor até a página 2, politicamente correto. Tem uma entrevista do Lewis para jornalistas brasileiros – acho que vi no blog do Felipe Motta – em que ele cisma que o Senna morreu numa sexta-feira. Tenho a mesma idade dele e lembro exatamente daquele dia. Se fosse fã mesmo, saberia.
    Não o culpo. Faz parte da figura pública dizer o que se espera dele.
    Resolvi postar isso para mostrar algumas coisas. Ninguém aqui está falando que o Alonso é melhor porque a tal enquete disse. É só pela curiosidade de ver o ressentimento dos italianos com o Schumacher, mesmo depois de todos os títulos, e a identificação rápida com o Alonso, que definitivamente roubou o lugar de queridinho do Massa, algo que não aconteceu com o Kimi.

    Curtir

  6. Kimi não entendeu que na Ferrari é preciso ser mais do que rápido. É preciso liderar. E, no final, nem rápido ele era mais. E Massa sabia que não bastava ser queridinho, tinha que ser mais rápido que Alonso. Aí é que o bicho pega. Alonso se encaixa no espírito Ferrari. Só precisa voltar a ser o piloto que ganhou os dois títulos – cerebral e impecável.

    Curtir

  7. Acredito que uma coisa seja natural nos tifosi: A EMOÇÃO. Obvio que este resultado foi fruto de um voto de emoção dos entrevistados. Alonso é um otimo piloto, claro, mas como foi (bem) falado ai em cima, esteve envolvidos em muitos casos e escândalos ultimamente para que seja levado tão “a serio” no momento.

    Precisa sair das páginas policiais e voltar a ter resultados CONCRETOS antes de voltar a ser colocado na mesma frase que Schumacher ou (pior ainda) Senna. Até lá, um bom paragrafo (2 no caso de Senna) de distância precisa ser colocado entre eles.

    Curtir

      1. Nem eu, André. Se os italianos avaliam com emoção, os brasileiros avaliam com o quê?
        Senna, Schumacher e Alonso são três exemplos de pessoas que fariam – e fizeram – o mesmo tipo de coisa para atingir seus objetivos. E isso não tira nem uma gota da minha admiração por nenhum dos 3.

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s