Vettel x Webber: australiano salva fim de semana difícil

Sebastian Vettel Mark Webber
Posição na classificação
Tempo da Classificação (Q3) 1’45.457 (-0.52) 1’45.977
Posição na corrida
Tempo médio de volta 1’55.965 (-0.473) 1’56.438
Voltas 61/61 61/61
Pit stops 1 1

Confira a corrida de Mark e Sebastian volta a volta

Com Webber rendendo mal e Vettel cometendo um pequeno erro no Q3, a Red Bull pode ficar satisfeita com o 2º e 3º lugares que conseguiu em Cingapura. O australiano nunca ficou a menos que 0.4s do companheiro durante o final de semana e alinhou apenas em 5º. Com uma estratégia ousada e ultrapassagens no momento exato – pressionando e aproveitando-se de erros dos que iam à frente – contou com uma boa dose de sorte na batida com Hamilton e perdeu apenas 3 pontos no campeonato para Vettel.

É difícil comparar o ritmo de corrida dos pilotos da Red Bull, uma vez que Webber fez 58 voltas com os pneus médios e Vettel 32.

Mas é inegável que o alemão perdeu grande chance de descontar mais pontos no campeonato. Ele disse ter julgado mal a distância para Schumacher ao abrir a volta no Q3, pegando tráfego na 2ª parte da volta.

Na corrida, induzir Alonso a um erro nunca seria fácil. Vettel era mais lento com o pneu super macio e não estava perto o suficiente para passar na estratégia. Com o pneu médio, a história foi diferente mas, com problemas de refrigeração nos freios, o alemão não poderia manter uma distância pequena para o espanhol e esperar um erro. Teria que torcer para que Alonso fosse atrapalhado por um retardatário e atacar de uma vez.

Ele só teve essa oportunidade nas últimas 2 voltas, quando Kovalainen parou na linha de chegada com o carro em chamas. Alonso, temendo alguma punição, reduziu bastante o ritmo na área da bandeira amarela, mas tinha Vettel sob controle e não deu chances ao agora 3º colocado no campeonato.

3 comentários sobre “Vettel x Webber: australiano salva fim de semana difícil

  1. Era “impossível” o VETTEL passar o ALONSO, visto a dificuldade que a pista impõe. Com carros quase equivalentes, parece corrida de trem.

    O Alemão, na minha visão, tinha mais carro que o Espanhol, mas ali, naquela pista, é se contentar com o 2º e boa, ou arriscar “tudo” e estragar os pneus, freios, podendo se encontrar com o muro.

    O “azar” do VETTEL foi não ter conseguido a pole.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s