Placar de posições de chegada entre companheiros

Vettel 12 x 1 Webber
Hamilton 7 x 6 Button
Alonso 10 x 3 Massa
Schumacher 6 x 7 Rosberg
Senna 1 x 1 Petrov
Barrichello 9 x 4 Maldonado
Sutil 7 x 6 Di Resta
Kobayashi 7 x 4 Perez
Buemi 7 x 5 Alguersuari
Kovalainen 4 x 8 Trulli
Ricciardo 3 x 1 Liuzzi
Glock 6 x 6 d’Ambrosio

É difícil lembrar de outra corrida em que Button tenha batido Hamilton sem que Lewis tivesse cometido algum erro. Desta vez, foi na pista, passando facilmente – e com a melhor manobra da corrida – Schumacher, o mesmo piloto que o companheiro só superou na 27ª volta.

O final de semana da Itália marcou outra apresentação sofrível de Webber. Há um ano, eram o australiano e Hamilton que encabeçavam a tabela por esses tempos, enquanto Vettel parecia caminhar para perder um campeonato ganho.

As boas colocações de Alguersuari, Di Resta e até a recuperação de Bruno Senna tiveram muito a ver com a carnificina da primeira volta. Por outro lado, só mostraram – assim como a belíssima corrida que Perez vinha fazendo até quebrar – que a estratégia de Rosberg (largava de pneus médios e tinha dois jogos zerados de macios) era o caminho a seguir em uma dia em que a diferença de rendimento não era tão dramática.

Como registro, fica o fato de, pela quarta vez no ano, Jaime Alguersuari ter pontuado saindo de 18º. Como vimos na semana passada, é a posição mais lucrativa do grid.

Um comentário sobre “Placar de posições de chegada entre companheiros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s