Mundial de pilotos e construtores em gráficos

Se, após o GP da Bélgica, Alonso dizia que, mesmo se o vice-líder fosse Vettel, seu foco estava em Hamilton pelo inglês ter o melhor carro no momento, agora pode ficar preocupado de vez, com a evolução do campeão de 2008 na tabela de pontos.

Por outro lado, há de se observar a progressão mais consistente do próprio Vettel e, especialmente, Raikkonen, que passou de um “decidido” quinto para terceiro – e subindo – em quatro provas. O finlandês, no entanto, mais do que nunca precisa de um salto que só aqueles sete pontinhos a mais pela vitória podem proporcionar. Enquanto isso, a queda na progressão de Mark Webber desde, curiosamente, o anúncio de sua renovação de contrato, é marcante.

Com os 22 pontos das últimas provas, Massa vai se desgarrando do grupo do meio do pelotão para entrar na “zona mista” de Perez, Grosjean e Rosberg. Os pontos do brasileiro, que fizeram muita falta no início do ano, ajudaram a Ferrari a ultrapassar novamente a Lotus, grande penalizada pela suspensão de Grosjean – como o francês está numa terra de ninguém no campeonato, o prejuízo maior pelo gancho foi sentido no Mundial de Construtores.

Falando no campeonato das equipes, é notável a evolução da Force India, pontuando consistentemente desde o Canadá, em contraste com a evolução lenta – e com apenas um piloto – da Williams. Não será suficiente, contudo, para chegar na Sauber que, não fossem os frequentes abandonos, estaria na frente da Mercedes.

Um comentário sobre “Mundial de pilotos e construtores em gráficos

  1. (estou deixando aqui o comentário sobre a notícia “No meu ponto de vista, deixei espaço suficiente”, comentou Vettel” uma vez que não consegui lançar o comentário no espaço destinado)
    Vocês acharam a punição de Vettel não afetou muito sua corrida pois ele abandonou.
    Desculpem minha franqueza mais é um comentário estúpido.
    Levando em consideração o ocorrido no ano passado é evidente a disposição em ajudar Alonso a ser campeão.
    Principalmente se atentarmos ao fato da quase punição da Red Bull antes do GP da Hungria por conta do mapeamento do motor.
    A punição de Vettel foi injusta e motivada pelo fato de ter incomodado o piloto ferrarista.
    Se ele abandonou mais tarde é outro problema.
    Sejam mais inteligentes, por favor.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s