Disputas entre companheiros: as surpresas

ferrari-3

Parecia que Kimi Raikkonen jamais se acostumaria com o torque dos motores turbo híbrido, mas depois das surras que levou de Alonso em 2014 e de Vettel em 2015, o finlandês reagiu. O mesmo aconteceu com Marcus Ericsson na Sauber, ainda que em um ano cheio de particularidades no time suíço, mas que não ajudou em nada o prosseguimento da carreira de Felipe Nasr. E, também envolto em problemas em uma Haas que foi ficando mais e mais perdida ao longo do ano, Romain Grosjean trouxe os pontos para casa, mas teve um duelo bem mais parelho do que era de se esperar com Esteban Gutierrez. Confira as surpresas da temporada:

Ferrari

Raikkonen Vettel
Placar em classificações 11 (-0s124 em média) 10
Placar em corridas 3 10
Porcentagem dos pontos 47% 53%

Um duelo que foi se equilibrando em classificações, mas em aos domingos foi favorável a Vettel. Apesar do alemão ter sido mais efetivo para a Ferrari, 2016 foi o ano em que Raikkonen finalmente justificou seu retorno a Maranello, conquistando pontos importantes para um time que abusou dos erros ao longo da temporada.

Há quem possa perguntar se foi Raikkonen quem melhorou ou Vettel quem caiu, mas quando ambos viram a bandeirada, Raikkonen na maioria das vezes chegou logo atrás, o que costuma indicar que os dois estavam tirando o máximo do carro. E, quando o alemão teve problemas (ou criou seus próprios problemas), o finlandês se aproveitou para conquistar pontos que aumentaram consideravelmente sua participação em relação a 2015, quando marcou apenas 35% do total da Ferrari e levou 15 a 4 em classificações.

Haas

Grosjean Gutierrez
Placar em classificações 12 (-0s071 em média) 9
Placar em corridas 6 7
Porcentagem dos pontos 100% 0%

É até injusto avaliar o desempenho dos pilotos da Haas sem lembrar de todos os problemas pelos quais a equipe passou. Na primeira parte do ano, Grosjean acabou com Gutierrez, mas também é fato que o mexicano contava com uma equipe bem menos experiente, com a maioria dos membros recrutada diretamente da GP2. Apesar dos recursos não serem exatamente um problema, o próprio dono Gene Haas adimitiu ter subestimado o desafio de operar um time de F-1 e é difícil precisar quando Grosjean e Gutierrez correram sem problemas.

No entanto, pelo menos a decisão de apostar no francês pareceu adequada. Conhecido por preservar os pneus e bem mais maduro do que nos tempos em que até foi banido de um GP, Grosjean caiu como uma luva quando o time fez estratégias ousadas e garantiu uma boa quantia com o oitavo lugar nos construtores para melhorar a situação ano que vem.

Sauber

Ericsson Nasr
Placar em classificações 12 (-0s213) 7
Placar em corridas 9 4
Porcentagem dos pontos 0% 100%

Depois de conquistar 75% dos pontos da Sauber em seu ano de estreia, Felipe Nasr teve uma temporada bem mais complicada em 2016, começando com um chassi completamente verde nas quatro primeiras etapas e uma troca que só começou a dar frutos algum tempo depois. A partir do Canadá, o brasileiro começou a reagir, mas uma série de problemas, especialmente em classificação, fizeram com que sua campanha no geral fosse pior do que Ericsson. O sueco, por sua vez, também evoluiu muito, mas também errou muito durante o ano. E, mesmo tendo tido uma temporada melhor, por conta de um destes erros não estava na pista para aproveitar a chance que Nasr agarrou no Brasil para salvar o time da lanterna do campeonato.

A dinâmica foi particular porque, pela maior parte do ano, a Sauber não teve fundos para investir igualmente em ambos os carros – nada de boicote, por favor! – e muitos de seus erros vieram de falhas em procedimentos, que prejudicaram ambos.

25 comentários sobre “Disputas entre companheiros: as surpresas

  1. Vettel enfrentou dificuldade em se classificar a frente de Kimi mas em corridas não há o que comentar. Kimi continua com problemas em fazer os pneus durarem e seu ritmo é muito inferior. Gosto do Kimi mas acho que ele não agrega nada a Ferrari.

    Curtir

    1. Posso afirmar com certeza que kimi não superou vettel nos pontos porque a ferrari forjou todas as estratégias em vavor do alemão. Quem não se lembra em ver kimi largando na frente a abrindo grande vantagem e a ferrari segurar vettel na pista nuitas voltas a mais para o alemão fazer uma parada a menos e voltar a frente. Kimi esteve à frente de vetteldurante boa parte da temporada mas, e todos nós sabemos que a ferrari jamais vai deixar seu queridinho ficar para traz.

      Curtir

      1. “a ferrari segurar vettel na pista nuitas voltas a mais para o alemão fazer uma parada a menos”

        Será que isto tem algo a ver com o fato de que o “Kimi continua com problemas em fazer os pneus durarem”, como disse a Daniela?
        Além disso, Vettel fez uma parada a menos que Raikkonen em apenas 3 corridas (sendo uma delas Singapura, quando largou em último), e em outras 2 chegou a fazer uma a mais (como na Espanha, lembra?). No restante da temporada, quando ambos concluíram a prova, a quantidade de paradas foi a mesma.

        Curtir

      1. E você esqueceu que ele poderia ter vencido 3 corridas esse ano: Austrália, Espanha e Canada e não venceu pq a Ferrari acabou com a estratégia dele.

        Curtir

  2. Vettel mostrou sua limitação esse ano, suas atuações foram muito aquém do que se espera de um primeiro piloto ferrari. Kimi só levou em corridas porque nunca teve a melhor estratégia, fez menos pontos porque foi atingido ao menos duas vezes pelo companheiro de equipe e zerou em pontos por causa de uma porca solta quando estava à frente do alemão, que se mostrou irritadiço e chiliquento.
    O desempenho do Vettel em relação ao Kimi, só reforça a tese de que ser primeiro piloto nos carros do Newey na era do difusor soprado é que fazia a diferença. Vettel não é e nunca foi nada demais.

    Curtir

    1. Acho que ele fez um campeonato muito abaixo das expectativas mas Kimi ainda ficou abaixo. Vettel ainda se colocou em condições de vencer 3 vezes e não venceu por erros da Ferrari. Kimi nao esteve nenhuma vez em condições de vencer. Kimi fez apenas 2 pódios o ano inteiro. Nao há comparação. Quanto aos campeonatos do Vettel. Em 2010 o favorito era Alonso que tinha uma excelente Ferrari e chegou na ultima corrida como líder com Weber em segundo. Perdeu o título por incompetência dele e da Ferrari. Em 2012 a mesma coisa. Então os títulos dele nao são apenas obras do acaso e do carro que tinha mas cada um enxerga o que quer.

      Curtir

      1. Kkk,que piada,o alonso nunca teve carro pra competir com aquela red bull e ainda fez milagre com aquele carro,ahh o kimi teve tres podios esse ano,e deu um puta sufoco no primeiro piloto da ferrari que em toda sua carreira so teve companheiro fraco!

        Curtir

      2. Daniela para mim o único titulo de rosberg vale para os quatro de vettel afinal rosberg teve igualdade de condições para lutar pelo título com um piloto de altíssimo nivel, vettel correu sozinho webber era um fracado como o massa, queria ver vettel ter levado tantos títulos se tivesse rosberg ou hamilton como companheiro de equipa , vettel nao suporta igualdade por isso foi massacrado por ricciardo um piloto patético que perdeu para o kyviat em 2015 , aposto se hamilton estivesse guiando esta ferrari teria terminado pelo menos em terceiro e teria arrancado vitórias e poles.

        Curtir

  3. “(Kimi) fez menos pontos porque foi atingido ao menos duas vezes pelo companheiro de equipe e zerou em pontos por causa de uma porca solta”

    What? I mean… what?!
    Kimi não completou 4 provas este ano: incêndio no carro na Austrália, pneu solto nos EUA e batidas em Mônaco e no Brasil.
    Vettel, por outro lado, das 4 provas que não pode concluir, em apenas 1 vez ele foi o responsável: a batida com o Rosberg na Malásia. As outras 3 vezes foram devidas a: estouro do motor no Bahrein, estouro de um pneu na Áustria e lambança do Kvyat na Rússia.

    Na Bélgica, quando o Vettel colidiu com o Kimi (apenas por não ter podido ver que o Verstappen havia se intrometido junto com os dois na 1ª curva), o Kimi ainda terminou em nono, e o Vettel, em 6º. Ou seja, uma diferença de apenas 6 pontos.
    Já na China, quando o Vettel foi obrigado a recolher por causa do Kvyat, o Kimi ainda terminou em 5º, marcando apenas 8 pontos a menos que Vettel.
    A diferença de pontuação entre os dois no final da temporada foi de 26 pontos.

    Quanto ao seu comentário de que “ser primeiro piloto nos carros do Newey na era do difusor soprado é que fazia a diferença”… lamentável. Sobretudo porque o companheiro dele NUNCA conquistou sequer o segundo lugar em um campeonato, como acontece com a Mercedes agora e aconteceu também com a Ferrari na era Schumi (com o Rubinho ficando em segundo em duas temporadas). Aliás, teve uma temporada que o Weber terminou apenas como o 6º colocado!

    Curtir

  4. É triste observar como esse ótimo Blog passou a ser mal frequentado, até alguns meses atrás, todos os comentários eram essencialmente imparciais e sem teorias da conspiração, por mais que alguns participantes declarassem abertamente seus pilotos e equipes favoritas. Agora passou a ser frequentado por pessoas que vem com essas teorias conspiratórias e comentários de leitor do Globoesporte.com, um grande desrespeito com o trabalho da Julianne e seus textos imparciais que nem mesmo deixam transparecer seu piloto e equipe favoritos.
    Sobre vocês detratores insensatos e “clubísticos” de Vettel, comento apenas o seguinte:]
    Em 2009 a BrawnGP produziu um carro de outro planeta com seus dois pilotos disparando na frente na classificação. Ao ´término daquele campeonato Vettel era segundo e Barrichello terceiro na tabela.
    VLW! VLW!
    Daniela,
    Não acredito que os carros do cavalo rampante de 2010 e 2012 tenham sido superior aos carros dos touros vermelhos de 2010 e 2012, no máximo iguais, talvez com uma leve vantagem para a RedBull. O que eles tinham mesmo era o piloto mais completo e com uma grande gana de chegar ao terceiro título mundial, Fernandito fez toda a diferença naquela Ferrari nesses anos, no mais assino em baixo!
    Abraços pros meninos e bjs pras meninas!

    Curtir

    1. Perfeitamente exposto.
      Esse tipo de criatura habita aquele covil de haters que é o autoracing, onde aquele tal de Adauto Silva, além de desprezar a imparcialidade jornalística, ainda se refere com tom jocoso aos pilotos que não satisfazem sua preferência.
      É triste a desinformação prestada lá. Porém, ainda mais triste do que isso, é o paupérrimo domínio da língua portuguesa…

      Curtir

      1. Se vossa senhoria não concorda com a opinião dos outros leitores, quem é que te obriga a frequentar este espaço, pelo que vejo o senhor é um fan apaixonado do Vettel, mas quero que o senhor me responda se o vettel é tão bom assim por que o chefão da ferrari não renovou com ele e ainda disse que ele terá de mostrar serviço para merecer uma renovação de contrato, da próxima vez que i senhor for ofender os outro peço gentilmente que o senhor saiba que aqui não é lugar para ofender os outros.

        Curtir

    2. Superior nao, mas não estavam tão distantes. Em 2010 principalmente. É que as pessoas só lembram de 2011 e 2013 onde realmente a Red Bull era muito superior.
      Abraços.

      Curtir

  5. “vettete”, “ricciardo um piloto patético”, etc.
    Essas fuinhas haters ainda vão acabar demandando da Julianne o inconveniente de ter que moderar os comentários… Só assim pra evitar que o nível caia (ainda mais).

    Curtir

    1. Isso sem contar as teorias conspiratórias, em outro post da Julianne li:
      “Agora entendo quando Rosberg disse:
      Façam-me campeão e me aposento”
      Preciso explanar o restante do post?
      Saudades do pessoal que realmente entendia e comentava aqui de forma saudável e a acrescentar conhecimento desse esporte tão incrível.
      Abraços pros meninos e bjs pras meninas!

      Curtir

      1. Eu frequento o blog da julianne desde de 2012 da época do total race, parei um ano e meio de participar do blog devido a extrema dedicação ao estudo ao xadrez, até um tempo atraz aqui neste espaço havia um galera boa, gente do bem, Aucam, Dé Palmeira, Anselmo, Vinicius, Alex, pablo…
        Mas de uns tempos para cá começou a surgir uns babacas que se dizem donas da verdade como esse nato veloso e esse tito, para mim voces sao uns idiotas e babacas, me perdoe julianne a forma de eu me expressar e ja tive desavenças em outros postes, mas eu nao suporto babacas, caras que do nada por não concordarem com uma opinião querem humilhar os outros, eu não aceito alguem vir aqui e ofender grandes jornalistas como Adalto Silva

        Curtir

  6. Marcelo,

    Eu já tinha até esquecido de ti, aí tu reaparece pra me chamar de “babaca” e “idiota”, justo num lugar decente e de alto nível como este. E a troco de quê?

    Você diz que frequenta “o blog da julianne desde de 2012 da época do total race”. Bom, somos dois. E eu lembro que lá, numa matéria tratando sobre a segurança na F1, tendo o Maldonado como entrevistado, o Ico bloqueou um comentário meu apenas porque eu brinquei dizendo que, se houvesse algum piloto que poderia atestar a segurança da F1 hoje em dia, este piloto era justamente o Maldonado.
    Imagina, então, com que olhos ele veria coisas como:
    “a ferrari forjou todas as estratégias em vavor do alemão”;
    “webber era um fracado [sic] como o massa”;
    “ricciardo um piloto patético” (justo aquele que, na opinião de um dos maiores nomes da história da F1, Alonso, é O MELHOR piloto do grid).

    E respondendo ao que vc pediu acima (“se o vettel é tão bom assim por que o chefão da ferrari não renovou com ele”), você já viu alguma equipe renovar com algum piloto restando ainda mais de uma temporada de contrato à frente?

    “se dizem donas da verdade”
    Onde eu disse isso? Apenas apresentei contra a sua “certeza” de que a Ferrari favorecia o Vettel nas estratégias de paradas, de modo que ele sempre fizesse uma a menos que o Kimi, a objetividade das estatísticas, que mostram que isso aconteceu somente 3 vezes (uma delas sendo na corrida em que o Vettel largou em último), e que em duas corridas o Vettel chegou até a fazer uma parada A MAIS que o Kimi.

    “caras que do nada por não concordarem com uma opinião”…”eu não ACEITO alguem vir aqui e ofender grandes jornalistas”
    Meio contraditório isso, mas deixa pra lá…
    Julianne Cerasoli, Luis Fernando Ramos, Livio Oricchio, Lito Cavalcanti, Marcelo Courrege, Bruno Vicaria, etc, etc. Estes, sim, são Grandes Jornalistas (com maiúsculas, mesmo).
    Não alguém que insinua que um piloto SOB CONTRATO com a maior equipe da história da F1 evitará ocupar o lugar deixado pelo Rosberg por “medo de ser batido impiedosamente” pelo Hamilton (supondo que com “negão” estejam se referindo a ele), ou que faz esse tipo de gracejo para ilustrar uma matéria: http://www.autoracing.com.br/f1-vettel-o-espirito-da-ferrari-e-o-seu-traco-mais-forte (e basta notar pelos comentários que não foi somente eu quem notou).
    E não vou nem mencionar os recorrentes deslizes no trato à língua portuguesa – o que não é “ofensa”, apenas constatação (duas matérias, inclusive, já foram até assunto de aula no cursinho do meu irmão). Referir-se a um dos melhores pilotos do grid como “patético”, isso é que é ofensa. Não é o fato de o piloto estar, em relação ao jornalista, mais distante do âmbito pessoal que fará o comentário parecer isento de hostilidade.

    P.S: Eu não me referia somente a você naquele comentário sobre o autoracing, mas, ao que parece, eu estava certo, hã?
    Comentários desrespeitando, e até insultando, certos pilotos, bem como ideias conspiracionistas (tudo o que está maculando esta matéria da Ju) são típicos de quem posta por lá.

    Agora, por favor, me deixe em paz.

    Curtir

  7. O conteúdo do blog continua sendo impecável.
    Mas os comentários…

    Alguns meses atrás era como se fosse um café filosófico sobre F1. Discussão de ideias.
    Hoje a sessão comentários nao passa de um blog frequentado por um pessoal qur acha que sabe de automobilismo, discute gosto, um xinga ao outro e o nível caiu deveras. Um detrata um piloto, nao aceita réplica e faz ironias e xinga o outro. Deixando claro como é limitado por seu ego.

    Sou a favor de um controle dos comentários. Exclusão do comentário e até bloqueio do leitor.

    Um abraço aos civilizados, decentes e com a cabeça aberta a ponto de discutir sem precisar impor seu ponto e xingar ao próximo.

    Curtir

  8. “Uns babacas que se dizem donos da verdade”
    Só se estiver se referindo a si mesmo, acha a sua verdade tão importante que já é a segunda vez que vomita essa porcaria de:
    “O título do Rosberg vale pelos quatro do Vettel.”
    Aqui pelo blogue da Julianne, é como se dissese:
    “PELO AMOR DE DEUS SOU UMA CRIANÇA CARENTE ALGUÉM CONCORDE COMIGO.”
    Façam-me favor né, segunda vez também que vomita essa porcaria de:
    “Parei de frequentar por causa do estudo de xadrez.”
    Como se alguém aqui se importasse com os seus motivos, ironicamente você é o único partindo para ofensas pessoais e essas teorias conspiratórias sem sentido algum.
    A Ferrari sempre dará a melhor estratégia para o Vettel, afinal ele é o primeiro piloto da equipe e todos sabem que a Ferrari tem a filosofia de primeiro e segundo piloto, mas sabotar a si mesma em um campeonato aonde a RedBull foi chegando até tomar o segundo posto? Será que o cavalo rampante chegaria a tanto por um piloto?
    Não preciso ser o dono da verdade, nem que alguém concorde comigo, tenho interesse apenas em compreender pontos de vista diferentes e seus embasasamentos.
    Tenho pena da Julianne que paga um dobrado para nos trazer textos e matérias tão bons pra ter que ler isso no Blog dela.
    Abraços pros meninos e bjs pras meninas!

    Curtir

  9. Senhor nato velloso, quem começou a me ofender e fazer ironias foi o senhor e o tito, eu havia apenas dito o óbvio, na Ferrari nao existe igualdade de condições para os dois pilotos, todas as estratégias são voltados para Vettel. Ai o senhor e seu amigo começam a fazer ironias e me insultar. Eu não entendo como existem leitores tão arrogantes que por não concordarem com uma opinião querem humilhar e insultar os outros. Eu digo e repito aqui já teve bons leitores todos me respeitavam, alguns se tornaram grandes amigos meus. Também frequento o blog do grande livio Oricchio e do saldoso adauto silva, nunca fui ofendito lá e tenho uma relação muito saudável com todos os leitores, mas infelismente os grandes leitores se foram e apareceu um monte de leigos e ignorantes apareceu para insultar os outros e fazer ironias. Nao quero nem gosto de ofender ninguém se alguem quizer trocar opinião ou discutir comigo deixo aqui meu email:
    marcelodutra1@gmail.com
    Mas por favor nao usem o espaço da julianne para ofender .

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.