Drops do GP da Áustria com direito a tornado

Não é a cena que você quer ver da janela do aeroporto

Vocês lembram do bar instalado no meio do paddock em Barcelona? A farra não se repetiu nas etapas seguintes, mas voltou com um update em Spielberg, prova sempre muito bem organizada pela Red Bull – os campings, aliás, estavam organizadíssimos neste ano: queijos, presuntos e patês especiais feitos com os ingredientes mais usados na região, a semente e o óleo de abóbora.

Falando nos campings, deu para ver que a arquibancada ficou laranja no domingo, com 10 mil holandeses indo apoiar Max Verstappen. Mas o homem mais famoso do país também passou por lá – ainda que não tenha ido para o grid, para a minha decepção: o DJ Armin van Buuren, que deve ter tido alguma de suas músicas tocadas nas barracas, das quais muita música eletrônica holandesa ecoava mesmo no domingo à noite.

Domingo à noite em que o circuito foi encharcado pela chuva que insistiu em só ficar na ameaça na corrida. Bom, ainda bem que foi assim porque foi chuva daquelas que causariam bandeira vermelha e horas de indefinição e SC.

Para completar, escrevo estas linhas ainda no aeroporto em Viena, onde um tornado atrasou os voos. O meu ficou voando por perto até ter de se revertido para Budapeste para reabastecimento. O atraso foi de quase 4h. E cheguei 3h da manhã da terça em casa.

Voltando ao fim de semana de corrida, a coletiva de quinta-feira não foi a única em que rivais ficaram cara a cara. Quer dizer, rivais que deveriam estar trabalhando juntos e têm de aparentar uma boa relação. E no meio deles, o homem que pode mudar essa relação: eram Hasegawa, Wolff e Boullier. Em determinado momento, a pergunta que não quer calar teve de ser feita. “E o rumor de que a McLaren terá motores Mercedes ano que vem?” Boullier negou, Hasegawa disse que a opção não é sua e Wolff só sorriu e disse que “se não é opção deles, não é minha também.”

Já estamos quase na metade da temporada e o líder da GP2, quer dizer, da F-2, ainda não internalizou a mudança no nome da categoria. Para o desespero de sua assessora de imprensa, pulando agitada em um canto tentando chamar a atenção de Charles Leclerc, o piloto passou sua entrevista inteira chamando sua categoria pelo nome errado. “Podemos editar todas as vezes que falei GP2?”, pediu o francês com o sorriso amarelo.

Ao lado dele estava um nervoso Sergio Sette Camara, pela primeira vez na entrevista do top 3 após a classificação na Áustria. Depois conversei com o brasileiro e soube o porquê. Pouco antes de entrar para a coletiva, o mineiro soubera que seu motor estava ‘cortando’ no final do treino por um problema, que poderia ser uma falha de pressão e, por conseguinte, seu carro não teria gasolina suficiente para a amostragem. Horas depois, o temor do piloto se confirmou e o que poderia ter sido seu primeiro grande final de semana na F-2 acabou em mais uma decepção.

A bruxa estava à solta para os brasileiros mesmo: na GP3, Bruno Baptista literalmente levantou voo na zebra e teve uma aterrissagem tão forte que precisou abandonar a prova. Com fortes dores, o piloto foi checado no hospital, mas nenhuma lesão foi constatada. Falei com ele algumas horas depois e ele disse que “ainda está doendo muito, mas o problema é que pode ter quebrado o chassi”. Prioridades de piloto, né?

Fora das pistas, o GP da Áustria é muito legal por dois ‘eventos’: um é o pub quiz promovido pela Williams, em que equipes de cinco jornalistas respondem perguntas de vários assuntos, em uma noite muito divertida comandada por Claire Williams, que gosta de distribuir shots (principalmente o de vodca com chilli) para quem se comportar mal – e ela sempre inventa um motivo para dizer que alguém merece um shot. Minha equipe ficou em segundo lugar e foi uma das únicas que acertou que um tatu fora o mascote da Copa de 2014. Fácil para a única equipe que contava com uma brasileira? E para lembrar como é tatu em inglês??

Outro jogo divertido é coisa do Ico, que fez a primeira das três corridas em que estará fazendo dupla dinâmica comigo na reportagem do Grupo Bandeirantes de Rádio. É um jogo de tabuleiro de F-1, em que você tem de usar bem seus freios, pneus e combustível em um circuito. E assim são as noites na casa da montanha sem TV ou internet….

19 comentários sobre “Drops do GP da Áustria com direito a tornado

      1. E como faz na fase europeia da temporada? Escolhe um pais para fixar-se? São muitos destinos para gastar com hospedagem.

        Curtir

      1. pesquisei, é um jogo de tabuleiro sobre F1.

        valeu a dica, rodrigo!

        julianne, diz aí qual é o nome do jogo que o Ico te apresentou, ficamos curiosos!

        passei minha infancia jogando RPM, da grow. é muito bem sacado, tem vacuo, limite de velocidade em curva pra evitar sair da pista, é um jogo de estrategia, usa cartas. tenho ate hoje, está super gasto…

        meu moleque achou legal (mas como só tem 5 anos, inventamos um jeito de usar dados) aí comprei um usado bem conservado, pra guardar pra qdo ele tiver idade pra jogarmos nas regras originais…

        tenho outro jogo de tabuleiro chamado ayrton senna, mas gosto bem mais do RPM

        Curtir

      2. Pela descrição do jogo de tabuleiro, achei que fosse o cockpit. É um jogo em que você tem que contornar o circuito utilizando bem os pneus e freios, controlando os danos no carro.

        Curtir

      1. Sim, foi muito bom e a estratégia de avisar com pouca antecedência foi muito inteligente. Evitou uma confusão maior no centro, diminuiu possibilidade de terrorismo e fez com que outras pessoas que não são fãs se aproximassem. Falei com várias pessoas que não sabiam o que estava acontecendo e ficaram curiosas para chegar mais perto. E todos os pilotos estavam muito felizes de estar ali.

        Curtir

  1. Julianne, você poderia fazer um post nos falando que tipo de estruturas existem dentro dos circuitos? Pois na TV vejo vários diferentes prédios ao longo do traçado e não tenho a minima ideia do que são.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s