Viajando para o GP

Turistando na F-1: GP da Alemanha ao vivo

Compre ingresso para: general admission

As arquibancadas em Hockenheim são limitadas e estão basicamente no antigo estádio e na reta principal. Tendo isso em vista, e já que o general admission dá direito a ficar na parte de dentro do hairpin do estádio e é muito mais barato que os ingressos de arquibancada, essa é a melhor opção.

Hospede-se em: Heidelberg

Nem precisa de muita explicação: você estará em uma das mais belas cidades da Alemanha, que guarda ainda um quê medieval em seu centro – algo raro no país por conta das sucessivas guerras – e a 20min de carro da pista.

Vá de: transporte público

As vias ficam muito congestionadas e o estacionamento está a 20min andando da arquibancada. Ao invés desse perrengue, opte por pegar trem até Hockenheim e, de lá, haverá ônibus para o circuito.

Não perca: Museu da Mercedes

Ele fica a 1h30 da pista, não é tão perto assim. Mas é o museu da Mercedes, em Stuttgart. A cidade, aliás, também abriga o museu da Porsche. Achou muito longe? Um passeio que achei muito legal foi conhecer a cidade natal de Vettel, Heppenheim, que fica a 45min da pista. Só de sentar para tomar um chá na praça dá para entender muito sobre o tetracampeão.

Combine com: tour na Bavaria

Nuremberg, Munique e a região dos alpes, onde ficam castelos que são dois cartões-postais da Alemanha – Neuschwanstein e Hohenschwangau – não estão apenas razoavelmente perto de Hockenheim, como também no caminho para Budapeste.

Quanto fica? O melhor caminho para o GP da Alemanha é voando via Frankfurt, por 4500 reais (essa é a época cara de ir para a Europa por conta do verão). Os ingressos para GA são 600 reais e a hospedagem em Heidelberg sai em torno de 1400 para dois, então dá para calcular 8 mil de gastos.

Um comentário em “Turistando na F-1: GP da Alemanha ao vivo”

  1. Gosto do seu blog por esse tipo de reportagen que envolvem o entorno da F1 . Me lembra quando eu era criança e comprava a GRID. Mal podia esperar ela chegar na banca pra devorar tudo sobre Formula 1.Seu blog me traz um pouco dessa sensação de volta. Parabéns !!!

Deixe uma resposta