Credencial do GP de Mônaco e muito mais

O Credencial pós-GP de Mônaco tem tudo sobre o climão na Ferrari, os desafios de Hamilton nas próximas etapas e até o restaurante favorito do Luis Fernando Ramos na próxima etapa, no Canadá. E adivinhem onde vou dar uma passadinha antes de chegar em Montreal? Ouçam, divirtam-se, comentem, compartilhem!

Turistando na F1: os melhores GPs para ver ao vivo – parte 2

Continuando a série dos melhores eventos da Fórmula 1 para curtir ao vivo, uma lista com opções baratas e as melhores experiências combinando a corrida em si e a cidade em que ela é realizada. Barganha: Malásia Há quem possa pensar: como um GP realizado tão longe do Brasil pode ser uma barganha? Sim, a…

A vida loka da F-1

“Então você está dizendo que mora no Brasil, mas tem um apartamento alugado em Barcelona e fica viajando de um lado para outro para trabalhar? Não faz sentido”, me dizia o policial da imigração na Espanha. Ele tem sua parcela de razão. A vida dos profissionais que trabalham na Fórmula 1 não faz muito sentido…

Ferrari errou, mas não jogou uma vitória certa no lixo

A Ferrari deu uma de Williams enquanto o time inglês correu riscos incomuns para assegurar o terceiro lugar para Valtteri Bottas no GP do Canadá. O time italiano perdeu uma – pequena, diga-se de passagem – chance de vencer ao largar em Montreal comprometido a fazer duas paradas. E foi se atrapalhando cada vez mais…

Lá se vai a vantagem

O GP do Canadá nem se compara em termos de reviravoltas e acontecimentos em relação aos dramas das últimas corridas, mas nem por isso deixou de mostrar algumas coisas interessantes. Até depois da bandeirada. O que parecia um discurso vazio de Maurizio Arrivabene há duas semanas acabou se confirmando em Montreal: de fato, vimos uma…

Grande teste

Nem mesmo nos tempos de domínio a Red Bull se dava muito bem com a pista de Montreal. Afinal, mas longas retas e as raras curvas expunham a filosofia de um carro mais voltado para gerar eficiência aerodinâmica e, consequentemente, mais arrasto. Depois de surpreender nas últimas duas etapas, a equipe é a primeira a…

Discurso vazio

O sentimento é quase palpável: a Fórmula 1 passa por uma grave crise de representatividade que, se não for contornada, vai culminar com o desaparecimento da categoria. Porém, ao pensar nos motivos que alimentam esse sentimento, mesmo reconhecendo as deficiências, é difícil concordar com o alarmismo. “Ninguém tem por que abandonar o esporte. Olhem os…