Estratégia do GP do Brasil e os segredos de Interlagos

Tão logo acabou o GP do Brasil, Ross Brawn afirmou que a corrida do último domingo era um caso a ser estudado. Quer tirar exemplos para, quem sabe, mudar alguma regra para que provas como a que vimos em Interlagos sejam mais comuns. Ora, um fator que ajudou a abrir a primeira parte da corrida,…

Receita perfeita

Campeonato decidido, um traçado que permite ultrapassagens, condições de pista muito diferentes entre a sexta-feira de treinos livres e o domingo, e motores chegando no final da temporada já no limite, e um Safety Car que veio na hora certa para recompactar o grid quando só cinco carros estavam na mesma volta. Desta vez, nem…

A cara de Lewis Hamilton

Um GP mais com a cara de Lewis Hamilton, impossível. Tem que ter um pouco de drama, como a classificação ruim (algo sintomático em um ano no qual, ao contrário de toda a sua carreira, Hamilton não brilhou tanto aos sábados); um pouco de família (na verdade, teve até tio caribenho que nunca tinha vindo…

Rapidinhas do GP do México

Escrevo estas linhas sem saber o que aconteceu depois que Max Verstappen foi chamado aos comissários a se explicar por não ter tirado o pé sob bandeira amarela na última volta da classificação, quando o carro de Valtteri Bottas estava na barreira de proteção. Seria bom, também, a FIA explicar por que não deu bandeira…

F1 on demand: Por que Verstappen não é unanimidade na Holanda?

Os assinantes Credenciados do projeto do Catarse – a maioria deles, aliás, que já garantiu suas camisetas ou bonés autografados por seus pilotos favoritos! – perguntaram, e aqui vão as respostas. E, desta vez, o F1 on demand conta até com uma mãozinha lá da Holanda.   Cleber Humberto Balieiro: Oi Ju, voltei há pouco…

Rapidinhas do GP de Singapura

“O carro ganhou vida”. Foi assim que Charles Leclerc explicou como a Ferrari emergiu como a grande força neste sábado em Singapura, se recuperando de uma sexta-feira em que não teve o mesmo ritmo de Mercedes e Red Bull nem em simulação de classificação, nem de corrida. O monegasco disse que o time trouxe novidades…

Estratégia do GP da Hungria e a aposta que só a Mercedes poderia fazer

Volta 40: Depois de atacar Max Verstappen logo depois da primeira parada nos boxes, e acabar saindo da pista com os freios superaquecidos, Lewis Hamilton pede solução para a equipe. “O que dá para fazer?”, ele pergunta ao engenheiro Bono. Ouve um “continue mantendo-o sob pressão” e rebate: “Mais do que isso não dá.” Ele…

Dá para congelar Hamilton?

Deve ser meio inevitável mesmo termos dois pilotos excepcionais com idades e trajetórias muito próximas, mas hoje prefiro sonhar que ainda teremos muitos anos vendo duelos como este entre o hoje trintão Lewis Hamilton e um já bastante amadurecido, embora nem tenha chegado aos 22 anos, Max Verstappen. Não foi uma briga completamente igual. A…